http://blogs.band.com.br/marcondesbrito

Sidebar
25
DE julho
DE 2015

Até tu, Romário? Baixinho tem conta secreta de 7,5 milhões na Suíça

postado por Marcondes Brito em Futebol

25
DE julho
DE 2015
20

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

Deu na Veja (Por Thiago Prado e Leslie Leitão)

imageQuem o vê na tribuna do Senado, fustigando os cartolas do futebol com acusações de irregularidades e à frente de uma CPI sobre falcatruas na Confederação Brasileira de Futebol, se impressiona: Romário de Souza Faria, 49 anos, ídolo da seleção, firma-se cada vez mais na política com um vigoroso discurso em defesa da ética e da lisura. A postura, apimentada por seus comentários afiados, é tão bem-sucedida entre os eleitores que o levou a ganhar com folga a disputa pelo Senado no Rio de Janeiro, na eleição do ano passado, e o coloca agora no topo das pesquisas sobre os mais cotados para a prefeitura do Rio em 2016. Tamanha popularidade acaba por deixar na sombra uma flagrante incongruência entre o Romário senador e o Romário cidadão: na vida pessoal, o ex-jogador é notório por suas pendências financeiras. Uma delas está nas mãos do Ministério Público Federal: um extrato de uma conta bancária em nome de Romário no banco suíço BSI, com sede em Lugano, no valor de 2,1 milhões de francos suíços, o equivalente a 7,5 milhões de reais. A pequena fortuna não aparece na declaração oficial de bens encaminhada por Romário à Justiça Eleitoral em 2014. Romário disse a VEJA que nunca ouviu falar da conta: “Até agradeço por me informarem. Se for dinheiro meu, vou buscar”.
No extrato consta um crédito de rendimentos em aplicações no período de um ano a partir de 31 de dezembro de 2013, o que fez elevar o saldo aos mais de 7 milhões de reais atuais. A data do documento é 30 de junho de 2015. Ter dinheiro no exterior não é proibido. No caso de Romário, isso não necessariamente levanta suspeitas sobre sua origem, pois ele jogou em grandes clubes europeus, recebendo em moeda forte. “Abri contas na Holanda e na Espanha e, para ser sincero, não sei se fechei. Mas nunca mais movimentei”, diz Romário. Brasileiros com conta em bancos estrangeiros e saldo acima do equivalente a 100 000 dólares devem informar à Receita Federal, que cobrará o imposto devido. Em 1997, quando jogava no Valencia, da Espanha, Romário foi autuado pelo Fisco por ter aberto empresas nas Ilhas Virgens Britânicas, um paraíso fiscal, e para lá transferido aplicações e propriedades. O objetivo era escapar dos impostos. Só o valor que consta no extrato do BSI em nome de Romário supera em quase seis vezes o patrimônio total declarado por ele à Receita Federal, como é exigido de candidatos a cargos eletivos. Romário informou à Receita que seu patrimônio total era de 1,3 milhão de reais, entre imóveis, terrenos, cotas de empresas e aplicações financeiras.
A conta não declarada na Suíça passa a ocupar o topo da lista de enroscos financeiros de Romário em tempos recentes. Quando se examina o comportamento dele nessa área, não naquela em que reinou, fica evidente que o Baixinho é mau pagador. A lista de faturas em aberto no Rio de Janeiro vai de condomínios a pensão de filhos, passando pelo Fisco e pelo INSS. Só em impostos federais, Romário acumula pendências em torno de 2 milhões de reais. O senador já foi citado em 28 processos por dívidas e chegou a ser condenado em várias instâncias por sonegação fiscal. Parte dos processos subiu ao Supremo Tribunal Federal. O craque estava a um passo de ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa e só escapou por ter, finalmente, desembolsado 1,4 milhão de reais, renegociando o restante.
Um apartamento de Romário, avaliado em 4 milhões de reais, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste carioca, quase foi a leilão há poucos meses por falta de pagamento de 600 000 reais em taxas de condomínio. Na última hora houve acordo, e a dívida está sendo renegociada. Se Romário o perdesse, seria reincidência: em 2009, ele foi obrigado a entregar uma cobertura de 8 milhões de reais no luxuoso condomínio Golden Green, também na Barra. O imóvel foi leiloado por falta de pagamento de taxas. Quando o empresário Edson Bueno, então dono da Amil e comprador do imóvel, pegou as chaves, ficou impressionado com o estado de depredação. Romário diz que arrancou um aparelho de ar condicionado. Outras duas propriedades dele foram tomadas pela Justiça para quitar dívidas.
Romário não leva uma vida modesta. Ele circula pelo Rio de Janeiro em uma Ferrari vermelha, que, por via das dúvidas, registrou no nome de uma ex-­mulher. Seus bens são condizentes com os ganhos de quem já foi o jogador mais bem pago do Brasil – no Flamengo, recebia 320 000 reais por mês, em valores atuais. Da experiência, aprendeu que ganhar dinheiro é bom; gastar, nem tanto. Vitorioso na política – na qual entrou como deputado federal e, na eleição seguinte, já se transferiu para o Senado com votação recorde -, em 2013 amea­çou deixar seu partido, o PSB, e viu-se alvo de intensa disputa por seu passe. Quatro caciques de diferentes siglas envolvidos nas negociações disseram a VEJA que Romário é pragmático e a medida do seu interesse passava sempre por alguma recompensa. Acabou ficando no PSB. Expoentes de seu círculo contam que a recompensa nesse caso seria o pagamento do aluguel da mansão de 10 milhões de reais onde ele mora em Brasília. Tanto o partido como o senador negam o arranjo. Saldar o que deve, tudo indica, ele pode. Calcula-se que Romário tenha rendimentos anuais de 5 milhões de reais, entre campanhas publicitárias e pagamentos atrasados. Só do Flamengo, ele ainda recebe 159 000 reais por mês. O salário de senador é de 33 700 reais. Quando se esclarecerem as circunstâncias de sua conta no BSI, o Baixinho vai ter mais alguns milhões de razões para driblar seus credores.

24
DE julho
DE 2015

Del Nero não se abala com críticas ‘globais’ e se diz injustiçado

postado por Marcondes Brito em Futebol

24
DE julho
DE 2015
17

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

Mesmo diante das seguidas “marteladas” do narrador Galvão Bueno no presidente Marco Polo Del Nero, a cúpula da CBF garante não ter se estressado com a postura de uma das figuras mais populares da Globo, informa a coluna ‘De Prima’, do Lance!. O discurso na entidade é respeitar a democracia, com paciência e tolerância, apesar de entender que as críticas seguidas são injustas. Para justificar as ausências recentes em eventos da Seleção e da Fifa, Del Nero bate na tecla que precisa resolver os problemas no país.image

24
DE julho
DE 2015

Não custa sonhar: Dorival Jr pode fazer de Gabriel um novo Neymar

postado por Marcondes Brito em Futebol

24
DE julho
DE 2015
77

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

Tudo bem, eu sei que é precipitado fazer esse tipo de previsão, mas o futebol brasileiro precisa tanto descobrir novos talentos que não custa nada sonhar. Mas o técnico Dorival Jr está lapidando o futebol do atacante Gabriel, o Gabigol, do Santos, da mesma forma que fez com Neymar, 5 anos atrás.
É bom recordar que, quando substituiu Luxemburgo no Santos, em 2010, Dorival encontrou um elenco de meninos mal aproveitados, e entre esses meninos estavam Neymar e Ganso. Para quem não se lembra, Neymar era tão franzino que Luxemburgo o apelidou pejorativamente de “filé de borboleta”.
Foi pelas mãos de Dorival que Neymar começou a se transformar no jogador que é, inclusive quando mostrou a sua personalidade explosiva e brigou com o técnico por causa de uma cobrança de pênalti.
É uma característica de Dorival Jr valorizar a garotada. Agora mesmo ele está em busca de novos talentos na Vila e chamou a a turma da categoria sub-20 para treinar junto com os profissionais.
E quanto a Gabriel, hoje ele é aclamado pela mídia pelo bom futebol que vem mostrando. Tem talento e só precisa de uma boa orientação, como alias foi dito aqui no blog, no início deste mês.FullSizeRender (4)

23
DE julho
DE 2015

Medo e covardia de cartola podem prejudicar Neymar na seleção

postado por Marcondes Brito em Futebol

23
DE julho
DE 2015
85

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

- Alô, por favor, é o Mr. Blatter?
– Sim, pode falar.
– Como vai, presidente, tudo bem por aí? Aqui é do Brasil.
– Tudo bem, nada. Você viu o que fizeram comigo na última reunião da FIFA…
– Pois é, aquilo é palhaçada. Merece um processo.
– O que mais me chateou é que os dólares eram falsos…
SILÊNCIO RÁPIDO
– Mas, presidente, tô ligando pra falar da Conmebol. O senhor precisa me ajudar a reduzir a suspensão do Neymar.
– É, eu vi, rapaz. Pra que esse exagero, né?
– Então quebre o galho aí. Deixe o menino jogar as Eliminatórias senão a gente se lasca.
– Vou ver o que posso fazer. Mas isso não é assunto pragente resolver por telefone. Venha aqui em Zurique tomar um café e a gente conversa melhor.
– Eu na Suíça? É ruim, hein? O FBI não deixa eu arredar o pé do Brasil.image

23
DE julho
DE 2015

O Inter foi um time frouxo. O problema é este: nosso futebol afrouxou de vez

postado por Marcondes Brito em Futebol

23
DE julho
DE 2015
43

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

Quando o Inter venceu por 2×1 no Beira Rio, adverti aqui que aquele placar era insuficiente para passar pelo Tigres. A eliminação no México veio para confirmar o estágio em que vive o futebol brasileiro atualmente: somos um bando de frouxos.
Foi por causa dessa ‘frouxidão’ que levamos de 7×1 da Alemanha, que o Corinthians caiu para um time meia-boca como o Guarani do Paraguai; que o Cruzeiro bicampeão deu vexame em casa diante do River.
O Inter entrou em campo ontem derrotado. O uruguaio Diego Aguirre não teve estratégia, montou um time fácil de ser batido e poderia ter levado uma goleada do Tigres.
Aliás, o Aguirre – que foi aclamado após o título estadual como um sujeito acima de tudo coerente – caiu na mesma armadilha da maioria dos técnicos brasileiros. Aquela bobagem de privilegiar a Libertadores e deixar outros torneios em segundo plano, inclusive o Brasileirão. Já vimos esse filme muitas vezes.
Lembro da Libertadores de 2008, quando o Fluminense caiu para a LDU do Equador. Lembro mais ainda de uma declaração infeliz do técnico Renato Gaúcho, que fez planos para ganhar a Libertadores e apenas “brincar” no Brasileirão. Aquilo parece ter enterrado a carreira de Renato, que hoje é um técnico desempregado.
A verdade é que o Inter amarelou, afrouxou e agora tem a dura missão de voltar à vida real. Na vida real, o time está em 10º lugar na tabela. E ainda por cima em depressão.FullSizeRender (3)

22
DE julho
DE 2015

Júlio Baptista detona Marcelo Oliveira e depois liga pra pedir desculpas

postado por Marcondes Brito em Sem categoria

22
DE julho
DE 2015
64

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

“Sofri uma lesão, operei o joelho e hoje só penso na minha recuperação. Quero ficar mais seis meses e tenho a certeza de que posso ajudar. Tenho uma história e um potencial muito grande. Com o técnico anterior, não tive as chances que merecia. Peguem meus números e vejam o que fiz. Tinha números para ser titular, mas Marcelo não pensava assim. Fiquei muito chateado, porque era a peça mais importante do projeto do Alexandre Mattos. Fui acostumado à seriedade e todos os projetos a que me propus foram importantes e funcionaram. Aqui no Cruzeiro, não aconteceu. Em dois anos, tive poucas oportunidades de ser titular. Não fui respeitado como deveria. A verdade é que o Marcelo não me queria e o próprio Alexandre me disse isso. Vim contra a vontade dele. O Marcelo fazia tudo para me queimar com a torcida. Ele era uma pessoa que não olhava nos olhos, usava dois pesos e duas medidas. Nunca recebi um dirigente na minha casa até receber o Alexandre Mattos, pelo projeto que tinha para mim. Mas no clube foi tudo diferente do que ele falou. O que Marcelo fez comigo foi palhaçada. Ele não é um cara honesto, conseguiu brigar até com o Tinga, o cara mais tranquilo que conheci. Com Dagoberto, com Souza e com muitos outros atletas. Ele me escalava no segundo tempo de um jogo, eu entrava bem, fazia gols e no jogo seguinte era reserva. Nem sequer me olhava nos olhos ou me dizia os motivos de eu não ser titular. Aguentei calado muito tempo, mas não era esse o projeto que o Alexandre me prometeu”, Júlio Baptista, numa entrevista ao jornal O Estado de Minas.julio
A RESPOSTA DE MARCELO OLIVEIRA
“Tenho tranquilidade no desempenho do meu trabalho, mas confesso que me surpreendi e lamentei algumas situações. Minha filha ligou pra falar da reportagem, mas eu tenho convicção de que sempre agi corretamente com ele e com todos. Algumas vezes pensei em usá-lo mais à frente, como atacante, mas o Júlio preferia disputar a posição no meio. Ele disputou um lugar no time com o Ricardo Goulart, que foi eleito duas vezes o melhor jogador do Campeonato Brasileiro. No aspecto pessoal, sempre tivemos uma relação boa. Ele foi no casamento da minha filha, e até subiu no palco para cantar. Eu fui no aniversárioo da filha dele. Recentemente, cerca de 3 meses atrás, nos encontramos casualmente num restaurante, sentamos juntos, tomamos um vinho. Ele até já me ligou pra dizer que foi mal interpretado pelo repórter, coisa e tal. É isso. O futebol é assim”, Marcelo Oliveira, ao canal ESPN.

22
DE julho
DE 2015

Cartolas presos e acuados completam a desmoralização do futebol brasileiro

postado por Marcondes Brito em Futebol

22
DE julho
DE 2015
38

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

Bons tempos aqueles em que o futebol brasileiro era respeitado dentro e fora de campo. Hoje, depois da humilhação dos 7×1, ainda somos obrigados a conviver com a desmoralização completa dos nossos cartolas, conforme podemos atestar nessas duas matérias que são destaques nas páginas dos jornais:
NA FOLHA
A insatisfação da cúpula da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) com a ausência de Marco Polo Del Nero em eventos internacionais pode até render a exclusão do brasileiro como representante da entidade no Comitê FullSizeRender (1)Executivo da Fifa.
A Folha apurou que, caso Del Nero continue não viajando a eventos da Fifa, membros da confederação poderão recorrer ao artigo 45, quarto parágrafo, do estatuto da organização.
O texto prevê a convocação de reunião extraordinária de seu congresso para definir a substituição de um de seus membros do Comitê Executivo da Fifa. É preciso que oito das dez federações filiadas votem a favor da alteração.
Essa insatisfação já chegou aos ouvidos de Del Nero. A data-chave para os membros da Conmebol solicitarem a reunião extraordinária será se ele não viajar para a reunião do Comitê Executivo do fim de setembro, em Zurique.

NO ESTADÃO
A administração da prisão onde José Maria Marin está preso na Suíça desde o fim de maio ofereceu aos dirigentes de futebol um trabalho para ajudar a FullSizeRender (2)passar o tempo. O brasileiro pode atuar em um setor de etiquetagem, em um de preencher endereços em pacotes para os serviços de correio e até mesmo ser ajudante de cozinheiro. Por dia, o ex-presidente da CBF receberia até R$ 60 pelos trabalhos prestados.
Nem a administração nem os advogados confirmaram se Marin aceitou a oferta de emprego. Mas a proposta foi feita a todos os seis dirigentes de futebol detidos no país e que aguardam uma decisão sobre a eventual extradição aos Estados Unidos. Preso desde o dia 27 de maio, o brasileiro se recusou a ser enviado de forma voluntária para os Estados Unidos, onde é acusado de corrupção e pode pegar 20 anos de prisão.

21
DE julho
DE 2015

Sanchez quer vender Pato até “no carnê”, em suaves prestações

postado por Marcondes Brito em Futebol

21
DE julho
DE 2015
31

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

Do ex-presidente do Corinthians e atual deputado federal, Andrés Sanchez, participando hoje do programa ‘Esporte em Debate’, da Rádio Bandeirantes, falando sobre o interesse que o São Paulo demonstrou em adquirir definitivamente os direitos ecvonômicos de Alexandre Pato:
“Faz até um carnezinho das Casas Bahia, sem problemas. No mínimo R$ 30 milhões, em suaves prestações”.FullSizeRender

21
DE julho
DE 2015

Deu a louca na CBF. Depois de esnobar Guardiola, agora vai pedir conselho a um argentino

postado por Marcondes Brito em Futebol

21
DE julho
DE 2015
79

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

A CBF quer ouvir sugestões de pelo menos um treinador rival da seleção brasileira: Jorge Sampaoli, técnico do Chile, informa o Blog do Perrone, no UOL Esporte. O argentino recebeu um convite de Gilmar Rinaldi para conversar com a comissão técnica comandada por Dunga. No primeiro telefonema dado pelo coordenador de seleções da CBF, Sampaoli não respondeu se aceita o convite.
O argentino tem dúvidas se Dunga reagiu bem à ideia. Porém, o técnico brasileiro está em sintonia com Gilmar no projeto de reunir técnicos estrangeiros para discutir o futebol nacional.
A meta do coordenador era juntar vários treinadores de outras nacionalidades de uma só vez, mas ele encontra dificuldades por conta da agenda de cada um. Assim, pode realizar encontros individuais.Dunga-640-2
Comentário meu - Definitivamente, a CBF parece que perdeu o juizo. Quando teve a chance de trazer um técnico estrangeiro, antes da Copa-14, simplesmente esnobou o melhor do mundo, o catalão Pep Guardiola. Agora vai pedir conselhos a um argentino, que certamente não tem o menor interesse em mostrar o mapa da mina para um dos seus rivais nas eliminatórias sul-americanas. Imagine se fosse o contrário. Que interesse teria o técnico Dunga de dar conselhos aos seus adversários?

20
DE julho
DE 2015

No São Paulo, todos falam, todos gritam. E ninguém tem razão

postado por Marcondes Brito em Futebol

20
DE julho
DE 2015
83

Comentários

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

O São Paulo virou uma gritaria só. Na semana passada o ex-presidente Juvenal Juvêncio esculhambou o seu sucessor Carlos Miguel Aidar (leia AQUI). Com dificuldades financeira, o clube está se desfazendo de alguns jogadores, para a irritação do técnico Juan Carlos Osório, que já botou a boca no trombone. Ontem, na derrota para o Sport, Luis Fabiano e Paulo Henrique Ganso foram expulsos e sairam de campo gritando e xingando. O árbitro André Luiz Castro registrou na súmula que eles ofenderam a arbitragem após terem recebido o cartão vermelho.
O descontrole emocional é tão grande que o técnico Carlos Osório também foi expulso por reclamação.
Da próxima vez, quem sabe, ele manda um bilhetinho pro juiz, ao invés de xingá-lo aos berros.FullSizeRender (3)

Criação de Sites e Comunicação Digital: Agência Qualitare